A TAP Air Portugal quer duplicar a sua operação na América do Norte nos próximos anos e volta a expandir a sua rede de destinos nos Estados Unidos, com o anúncio do lançamento de duas novas rotas, para Washington e Chicago, com início em junho de 2019.

Com este anúncio, a TAP, uma das 10 companhias aéreas do mundo com maior crescimento em 2018, mantém a tendência de forte aumento da sua atividade e de superação continuada dos recordes nos seus indicadores operacionais.

A partir de 1 de junho, a TAP oferece cinco frequências semanais entre Lisboa e Chicago O’Hare. Os voos partem de Lisboa às 13:05 e chegam a Chicago às 16:05 do dia seguinte. No sentido inverso, as partidas do aeroporto O’Hare verificam-se às 18:05 e a chegada ao aeroporto Humberto Delgado é às 7:50 do dia seguinte.

A ligação com voos diretos entre Lisboa e Washington – Dulles começa no dia 16 de junho, com cinco frequências semanais entre as capitais portuguesa e dos Estados Unidos da América. Nesta rota, os voos saem de Lisboa às 16:30 e aterram em Dulles às 19:40 do dia seguinte. No regresso, a partida de Washington é às 22:40 e os voos chegam a Lisboa às 10:50 do dia seguinte.

A TAP é a primeira Companhia do mundo a voar o novo Airbus A330-900neo, um avião moderno e sofisticado, e vai receber 19 unidades da nova coqueluche da Airbus até final de 2019. Este crescimento significativo da frota permite que a TAP lance novos destinos e aumente a sua rede e oferta.

O Airbus A330neo está equipado com a nova cabina Airspace by Airbus, com a classe económica a oferecer duas categorias, Economy e EconomyXtra. A configuração e design dos interiores de cabina oferece aos passageiros um ambiente inovador, mais confortável, com maior reclinação dos assentos e novos revestimentos.

A nova classe Executive da TAP nos Airbus A330neo tem uma configuração que inclui 34 novas poltronas full-flat, com mais de 1,80m quando totalmente reclinadas.

A TAP equipou as novas poltronas de Executive com ligações USB e tomadas elétricas individuais, ligação para headphones, luzes individuais de leitura e mais espaço, incluindo pequenos armários de arrumação.

“Servimos 10 das principais cidades brasileiras com voos diretos desde Portugal e acreditamos que é possível atingir o mesmo número, ou até superá-lo, nos Estados Unidos. Temos planos para voar para várias outras cidades norte-americanas. Os EUA são já o nosso terceiro maior mercado e ainda tem muito potencial de crescimento. A nossa rede de destinos na Europa e África também continua a crescer. Oferecemos neste momento 55 destinos na Europa e 17 em África e a maioria dos nossos passageiros voa com a TAP para destinos para além de Portugal”, afirma Antonoaldo Neves, CEO da TAP.

A TAP lançou o programa Portugal Stopover em 2016 para atrair os passageiros com voos de ligação em Portugal para outros destinos, permitindo que estes usufruam de até cinco noites em Lisboa ou Porto antes de viajarem para o destino final e sem custos tarifários adicionais.

O Portugal Stopover compreende uma rede de mais de 150 parceiros que oferece vantagens exclusivas aos clientes Stopover, como descontos em hotéis ou compras, ou a oferta de garrafas de vinho nos restaurantes parceiros.

Fonte: AviaoRevue

(1)