A Gol Linhas Aéreas divulgou dados prévios do primeiro mês do ano. No mercado doméstico, a oferta (medida em assento por quilômetro, ou ASK) aumentou em 3,3% e a demanda (RPK) cresceu 3,9%. A taxa de ocupação doméstica foi 84,6%, um aumento de 0,5 ponto em relação a janeiro de 2018. O volume de decolagens foi reduzido em 1,1% e o total de assentos aumentou 3,7%, em relação ao mesmo período.

A oferta (ASK) e demanda (RPK) da Gol no mercado internacional aumentaram 22,1% e 18,1%, respectivamente, e a taxa de ocupação foi 77,3%, queda de 2,7 p.p. em relação a janeiro de 2018. No começo de 2018 a Gol ainda não operava para Miami e Orlando, a partir de Brasília e Fortaleza.

A oferta total (ASK) da Gol aumentou em 5,7% devido ao aumento de 3,3% no total de assentos e da redução das decolagens em 1%. A demanda total (RPK) da Gol aumentou em 5,6% em relação a janeiro de 2018 e a taxa de ocupação consolidada atingiu 83,5%.

Fonte: AviaoRevue

(12)