O Brasil ganhará operações inéditas da Paranair, a nova companhia aérea do Paraguai. A transportadora nasce após a separação da Amaszonas com a subsidiária Amaszonas del Paraguay, que aconteceu há três meses. O grupo acionista Ilai y Avmax, portanto realizou o rebranding da Amaszonas e a transformou em Paranair, que se torna oficialmente a companhia de bandeira do Paraguai.

Como a Amaszonas já possuia operações no Brasil, os voos da Paranair não serão tão inéditos assim. O gerente geral da Paranair, Rómulo Krauer, informou que as rotas internacionais regulares estão mantidas para Curitiba, São Paulo, Buenos Aires, Montevidéu, Salta e Iquique, bem como as operadas durante a alta temporada para Florianópolis, Punta del Este e Rio de Janeiro.

Para Krauer, a Paranair será referência no país com a maior quantidade de destinos internacionais a partir do Paraguai. O planejamento de frota, por sua vez, mantém os quatro CRJ-200 em operação. Já o nome “Paranair” foi escolhido pelos acionistas por conectrar países e pessoas próximas, bem como os rios que acabam unindo regiões próximas.

(6)