A TAP realizou, este sábado, o primeiro voo comercial transatlântico do mundo do A321 Long Range. Pela primeira vez, um avião da família narrow body, que habitualmente opera rotas do médio curso, cruza o Atlântico num voo comercial sem escalas e aterra num aeroporto americano. Este voo histórico para a aviação mundial, o TP213, realizou-se na aeronave com a matrícula CS-TXA, batizada Agostinho da Silva, e transportou 128 passageiros a bordo.

Para assinalar este voo de estreia, o serviço a bordo contou com vinho especial da Quinta do Ventozelo, em executiva e económica, e todos os passageiros foram presenteados com uma garrafa de Vinho do Porto Dalva. Em Classe Executiva, foram também oferecidos sabonetes da Castelbel e, em Económica, fronhas para almofadas com a típica iconografia desta empresa de produtos perfumados de luxo.

Em breve, outros destinos da América do Norte e da América do Sul começarão a ser servidos com os novos aviões deste modelo, que oferecem o conforto premium de um avião do longo curso, tais como Boston e Washington, na América do Norte, bem como Recife, Natal, Fortaleza ou Salvador, no Brasil. Este avião permite ainda à TAP explorar potenciais novos mercados no Nordeste brasileiro, tais como Maceió e Montreal, nos Estados Unidos, bem como aumentar as ligações entre o Porto- Nova Iorque e Porto – São Paulo, com o objetivo de chegar a um voo diário do Porto para Nova Iorque.

Fonte: AviaoRevue

(8)