A Infraero realiza nesta quarta-feira (12/9) o Café de Negócios, um encontro que reunirá empresários e a administração do Aeroporto de Goiânia/Santa Genoveva para apresentar as oportunidades de negócios e investimentos na região do sexto maior aeroporto em circulação de passageiros e quinto em movimento de aeronaves na rede de 55 aeroportos da empresa. Ao todo, o complexo aeroportuário conta com 415,4 mil m² de áreas que podem ser ocupados por empreendimentos nos segmentos de comércio, megalojas, serviços, hotelaria, manutenção de aeronaves, eventos, entre outros.

Em Goiânia, as áreas disponíveis podem virar negócios para atender a um público que tem voltado a crescer, sinalizando um potencial de consumo em diversas faixas de renda. No primeiro semestre deste ano, a movimentação de passageiros no Santa Genoveva chegou a 1,56 milhão de embarques e desembarques, número 5,67% maior que o mesmo período de 2017.

Alguns fatos que reforçam essa retomada de crescimento são os novos voos da Azul ligando a capital goiana a Salvador, a nova rota da Passaredo entre Goiânia a Uberlândia e a entrada de aeronaves maiores para voos já existentes. Com isso, chegam a 16 os destinos diretos a partir do Santa Genoveva: Brasília, Barra do Garças, Confins, Campo Grande, Cuiabá, Rio de Janeiro (Galeão e Santos Dumont), Guarulhos, São Paulo/Congonhas, Campinas, Palmas, Porto Seguro, Recife, Ribeirão Preto, Salvador e Uberlândia. Além dos viajantes, há ainda 1,9 mil de funcionários, entre empregados da Infraero e de companhias aéreas e empresas que atuam no aeroporto, além dos bairros na região que poderiam ser atendidos pelos empreendimentos instalados no aeroporto.

A estratégia de ocupação dessas áreas faz parte do plano da Infraero para melhorar e ampliar a experiência e a oferta de serviços aos passageiros e demais frequentadores dos aeroportos. Em parceria com a iniciativa privada, o aeroporto pretende receber os empresários para que eles conheçam as possibilidades dentro e fora do terminal de passageiros, além de apresentar o Chamamento Público Comercial (CPC), ferramenta que abre um canal de relacionamento para que o mercado possa desenvolver estudos para concessão de áreas aeroportuárias, melhorando o aproveitamento desses espaços e identificando junto ao mercado a melhor vocação para os terrenos.

Como funciona o chamamento
O Chamamento Público Comercial (CPC) foi instituído pela Lei das Estatais (Lei n°13.303/16) e pelo Decreto-Lei n° 8.428/15, que definiram os processos de oferta de áreas comerciais para que a iniciativa privada apresente interesse na realização de projetos e estudos para empreendimentos nos segmentos de hotel, supermercado, centro comercial, centro médico, centro educacional, centro logístico, dentre outros.

As empresas interessadas deverão solicitar autorização à Infraero para realização dos estudos, conforme editais dos chamamentos. Após a liberação, as interessadas terão prazo de 70 dias para apresentar Estudos de Viabilidade Técnica, Econômica e Ambiental (EVTEAs), contendo relatórios mercadológicos, estudos de engenharia, ambiental, de avaliação econômico-financeira e matriz de riscos para implantação de empreendimentos comerciais. Depois de entregues, os estudos serão avaliados pela Infraero, conforme critérios do edital de chamamento. A proposta que for declarada vencedora irá embasar o processo licitatório que definirá a empresa responsável pela execução e exploração do empreendimento comercial.

O primeiro processo de chamamento da Infraero contempla três áreas externas para exploração comercial nos aeroportos de Goiânia (GO), Curitiba (PR) e Jacarepaguá (RJ). A sessão pública de entrega do requerimento para que a Infraero autorize a realização dos estudos está marcada para o dia 17/9. Este é o prazo final para fazer a solicitação e tirar dúvidas a respeito do processo. O edital pode ser acesso neste link.

Além dos três lotes disponibilizados no Chamamento Público, a Infraero conta com mais de 3 milhões de metros quadrados em áreas comerciais disponíveis em toda a sua rede de aeroportos. É possível que o mercado sugira quais áreas tem interesse para que novos Chamamentos sejam publicados. Os espaços poderão abrigar negócios nos segmentos de hotéis, centros comerciais, estacionamentos, megalojas, home centers, postos de gasolina, concessionárias de veículos, hangares e parques de abastecimento de aeronaves.

SERVIÇO
CAFÉ DE NEGÓCIOS – AEROPORTO DE GOIÂNIA/SANTA GENOVEVA
Data: 12/09
Hora: 9 horas
Local: Área de embarque do terminal de passageiros – 1º piso
Contato: (62) 3265-1500 / (62) 3265-1541 / (62) 3265-1510

(1)